terça-feira, julho 17, 2007

O Pardal

O pardal: Espécie de “flâneur” à portuguesa. Onde o outro deambula pela Paris novecentista (até hoje), este calcorreia (ou voa) palas ruas das nossas cidades. Incansavelmente.

A linguagem perdida das cidades- I

Vidal: Junto ao Braga Parque. Julho. Braga

1 comentário:

pedro.o disse...

Boa fotografia. Braga reconhecível. Moderna?